16 de mai de 2010

26 de abr de 2010

E aí? Peguei todos os vírus que pude pegar nos dias passados. Nem vou ficar contando aqui o deita-levanta que espero já ter passado. Hoje, um pouco de tosse é o que ficou.
Como se não bastasse, o computador deu problemas e perdi um monte de arquivos de fotos, música, textos, etc. porque não consegui passar para a chave antes de reformatar o bicho.
Afffff...
Amanhã, vai ter sol.

17 de abr de 2010


VIA: Verità supposte
Conselhos do nosso premier


Como usar cabeça de viúva para fazer política em velório:


13 de abr de 2010

Momentos de tensão hoje no aeroporto de Milão, quando um avião com 70 passageiros que partia para Roma teve que cancelar o voo porque atropelou uma lebre durante a fase de rolagem. Entre os passageiros o vice-prefeito de Milão e mais alguns políticos (pois é, hoje começa a semana de trabalho para eles), que se assustaram com o estouro provocado pelo animal que se 'enrolou' no trem de pouso.
Depois disso, mais de 50 homens se ocuparam numa frenética e barulhenta caça às lebres que invadiam a pista do aeroporto (fiquei com pena dos gritos das bichinhas). Veja o vídeo:




Falando em aeroporto, recebi mais um pedido de ajuda de gente que vem do Brasil para cá pensando que o único problema é passar na imigração. Olha o cara: quer vir para cá com 500 euros, sem conhecer ninguém, sem falar italiano, sem profisão e sem lugar para morar. E ainda acha que o único problema é passar na imigração! Gente, pelo amor, né?
Cansei de falar que aqui não tem trabalho e que sem trabalho você não consegue alugar nem um barraco de papelão. Sem trabalho nem lugar fixo para morar não se pode ter nenhum documento e sem documento você arrisca ser expulso.
Tô falando grego? Não tem trabalhoooooooo!!!!!!!
E se por acaso você achar alguma coisa para fazer, com certeza será um trabalho sem 'carteira assinada'. Que quer dizer ser explorado, ganhar pouco e continuar ilegal.
Fiquem por aí mesmo, ao menos até passar essa famigerada crise. Aqui não pode botar um caixote na rua e vender pastel e muito menos ser camelô dentro do trem.
Vocês são felizes e não sabem.


Leia AQUI , AQUI , AQUI e AQUI algumas notícia REAIS e ATUAIS da vida aqui no bel paese. Clique com o direito para não sair da página e use o tradutor do Google se te interessa e não fala italiano.

12 de abr de 2010

Da série: "2012 antecipado"


Richard Dawkins, escritor inglês e ateu, quer que a Polícia prenda o papa com a acusação de crime contra a humanidade.

O autor de "Deus, um delírio", conhecido ateu britânico, considera possível uma ação legal contra Joseph Ratzinger durante sua próxima visita ao Reino Unido, sob o mesmo princípio legal que permitiu a detenção de Augusto Pinochet em 1998. Dawkins, juntamente com Christopher Hitchens, o ensaísta britânico, político - informa o jornal The Sunday Times - pediu a um grupo de advogados para investigar a questão dos direitos humanos a acusar o Papa de ter encoberto casos de pedofilia dentro da Igreja Católica. No centro do debate, o que escreveu quano era ainda o cardeal Joseph Ratzinger, que "pelo bem da Igreja universal" se pode justificar a não retirada de um padre norte-americano acusado de abuso sexual. Bento XVI deverá viajar para o Reino Unido entre 16 e 19 de setembro deste ano: a visita pastoral inclui Londres, Glasgow e Coventry, onde o Papa irá proceder com a beatificação do cardeal John Henry Newman, teólogo do século 19. De acordo com Dawkins e Hitchens, o papa não pode invocar imunidade diplomática para evitar sua prisão, pois, apesar de sua visita ser classificada como uma visita de Estado, o papa não é chefe de um estado reconhecido pelas Nações Unidas. Dawkins, disse: "Este é um homem cujo primeiro instinto quando seus padres são flagrados com as calças arriadas, é encobrir o escândalo e condenar os jovens vítimas ao silêncio '.


LI AQUI


Enquanto isso, nos cartazes anunciando a visita do papa em Malta:



Aqui, a imprensa faz pouco caso dessas fofocas e mantém um respeitoso silêncio.

6 de abr de 2010

My name isssss.......


Já falei por aqui do "problema" do nome. Quase todas as vezes que digo o meu nome para alguém, alguns pedem para repetir, outros desistem logo na primeira. Até aí, tudo bem, meu nome não é usual nem no Brasil mas o que me surpreende é que as pessoas perguntam "o que significa".
Nunca soube bem o que responder porque já não entendia a pergunta em si. Quer saber a tradução? Quer saber se tem um santo correspondente? Pensa que é um nome de índio, tipo, "flor da noite enluarada que reflete no fundo do poço"?
Depois aprendi a responder sempre: - "não significa nada", cortando o assunto. Agora está voltando tudo de novo quando o povo pergunta o nome do meu netinho.
Rapidinho aprendi uma resposta que deixa todo mundo satisfeito:
- Se chama Thiago. Como San Tiago.

Ai, mas como é lindo.


Voltando ao assunto, dias atrás discutimos, eu e meu marido, sobre a pergunta do nome.
Quis acabar com a dúvida e saber exatamente o que era aquilo e na maior inocência fui perguntar.

- "Não entendi a pergunta"
- "quero saber POR QUE cada vez que digo meu nome, as pessoas querem saber o que significa"
- "e o que significa?"
- "não significa nada"
- "então! Responde isso"
- "mas a raiz da questão não é a resposta, quero saber o que quer dizer "o que significa seu nome". Tenho que dar a tradução? Acho uma pergunta sem sentido"
- "ecco... lá vem você querendo dizer que italiano é estranho. Quer dizer que no Brasil, quando vocês conhecem, sei lá, um alemão, não perguntam o que quer dizer o nome.
- "não. eu conheci pouco alemães mas nunca perguntei a nenhum o que significa, sei lá Dietbrand"
-"é porque com certeza vocês são mais inteligentes. não acredito que ninguém no Brasil sinta a curiosidade de saber o significado de um nome"
-"no-ôôô. e aí, o que quer dizer?"
-"deixa prá lá senão vamos acabar brigando. se você não consegue entender..."



E aquele diálogo sem pé nem cabeça é só a certeza que tem mesmo um rato morando no meu cérebro.



Na Itália, 100.000 mil pessoas foram contaminadas com o vírus da influenza que peguei. Foi a primeira vez que tive aquele tipo de influenza. Gente, que horror! Fiquei quatro dias sem conseguir comer nada e não dormia com cãimbras no estomago. Na sexta-feira santa melhorei um pouquinho mas já sabia que não conseguiria comer nada na Páscoa e nem teria animo para cozinhar. Decidimos almoçar fora se eu melhorasse mas choveu demais e fazia frio, assim ficamos em casa. Mas não consegui comer nada de novo: com as defesas baixas, tive uma nelvragia e ainda hoje acordei com a cara toda inchada. Minha filha me chamou de Coronel Cintra.

Ainda bem que o SOL voltou!
Chuva record no Rio


3 de abr de 2010







31 de mar de 2010

Peguei uma gastroenterite viral.
Estou desde ontem sem comer. Hoje, almocei meia banana e até a água me faz vomitar.
Tudo começou na segunda-feira, depois de ter ido votar.
Tenho certeza que fui contagiada com o lápis da cabine eleitoral.

Tá tudo uma merda mesmo.

28 de mar de 2010

Quando não tenho mais nada prá inventar, como pão com leite Moça.



21 de mar de 2010

Rindo demais


O vídeo abaixo é da cena do jogador do Flamengo que deu um beijo no outro para se desculpar.
Quando foi transmitido na tv daqui, a jornalista avisou para tirar as crianças da sala porque era proibido para menores.

Se essa rua fosse minha







Ficamos vários dias sem internet. Meu marido já estava começando a dar nas bolas. Imagine que estava até pensando em trocar de operadora - o que nos faria pagar, no mínimo, o dobro do valor do nosso velho contrato.
Aí ficamos sabendo que falam por aqui que as operadoras pegam mais clientes do que a quantidade de linhas permitidas e, de vez em quando, 'cortam' o colegamento de alguns idio... ooops, usuários. Deixam uns imbec... ooooops, clientes uns quinze dias sem linha e depois passam para outros, e outros, num revezamento diabólico que mais cedo ou mais tarde você vai cair.
Fiquei me sentindo com o traseiro ardendo imaginando a quantidade de grana que esses caras ganham às custas do meu suor. Aliás, nem preciso de imaginação fértil para isso pois um escandalo envolvendo uma operadora telefonica, máfia e políticos estourou a pouco tempo e fez cair até um senador.
Bem, nós telefonávamos até 3 vezes ao dia e a marcação foi tão forte que no final da história eles prometeram 3 meses de internet grátis.
Aí tem mais de 2 anos que estão prometendo uma lei para aprovar a "Class Action" (ação coletiva para obter ressarcimento de dano) e a gente tende a esquecer que podemos pressionar depois de 3 meses de telefonia grátis.

Aqui estão acontecendo coisas que nem consigo contar. Um pouco porque a velocidade dos fatos é atordoante e outro pouco porque são tão incríveis que tenho até medo de ser chamada de mentirosa.
Querem rir? O (des)Governo hoje organizou uma manifestação contra a liberdade de imprensa, contra a escuta telefonica nas investigações, contra o Judiciário e não sei mais o que. Tá rolando um papo na informação que o partido teria dado 100 euros para alguns participantes que foram pescados nas agências de emprego. O Ministro da Justiça vai para a televisão anunciar uma vistoria num Tribunal que está indagando contra Berlusconi. Propinas, cocaína, travestis, máfia, putas e padres pedófilos - tudo junto e misturado. Estou esperando alguém ser pego no aeroporto com dinheiro na cueca.
Nunca senti um baixo-astral assim e semana que vem tem eleições: vou votar pela primeira vez e ainda não sei (nem ninguém) a plataforma de governo de nenhum candidato. Os políticos aparecem só para dar escandalo.

Acabei de abrir o jornal e leio isso:

Sabão anti-imigrado
Militantes da Liga Norte distribuem sabão para lavar as mãos depois de ter tocado num imigrado.

E ainda estão dizendo que a Primavera vai demorar a chegar.




Os Patriotas


22 de fev de 2010

Segunda, né? Noite mal dormida + chuva fininha + nada-deu-certo-no-trabalho = péssimo humor e vontade de encaracolar.
Vou me enfiar debaixo das cobertas e ver um filme brasileiro no iútubi.
Quer ver também?

Cinema, Aspirinas e Urubus:
http://www.youtube.com/watch?v=IPy1OuX0mls&feature=channel

Sinopse A Q U I

21 de fev de 2010

Frio. Frio. Frio.
Ninguém guenta mais esse frio.
No dia que tem neve, tem neve prá caramba. Quando não tem, tem neblina ou chuva.
Hoje fez sol mas ventou o dia todo.
Um frio do cacete.


Mas deixa isso prá lá... Alegria! Hoje começou o Carnaval, skindin, skindin, aqui na minha cidade.

Quem falou que o pessoal não se diverte? O carro alegórico e a criançada toda empacotada dão idéia do tom da festa:




Olha aí a animação da multidão esperando o desfile. Isso no chão não é neve: é confete gente! Quem se lembra de carnaval com confete?






A imprensa, os jurados e as forças de ordem:





A bateria:




Carros alegóricos:






A multidão em delírio!






Ala dos Bombeiros




Trio elétrico com canhão dispara-confete:




Fim de festa:








Adoro tudo isso!!!!


FOTOS

20 de fev de 2010

Escutem


Estou hibernando mas postei coisas novas no "sem ralo".

Para quem não sabe, não sou eu quem escreve no blog "sem ralo". Então me poupem com comentários do tipo "pare de reclamar", "o que é que você ainda está fazendo aí" e coisas assim. O blog é somente uma coletanea de posts de brasileiros que moram no exterior, cujo fio condutor é a falta de ralo.

Outra coisa, estou demorando a postar aqui novamente porque estou com um dente que não para de fabricar veneno. O motivo é que tem alguma galinha de encruzilhada que fica usando o que escrevo para fabricar fofoca. Como eu não saio da minha casa e não frequento ninguém para ficar tramando disse-me-disse, esta é a primeira e última vez que vou tocar no assunto. A mensagem é direta: parem de fazer elucubrações sobre a minha vida e vão cuidar das suas - vocês já estão bastante ferradas para se preocuparem com o que acontece comigo.
Fikdik.

Ah, ah, ah, tão me estranhando? Nunca me viram assim?
Pois é, bem que falei que não queria escrever.

A foto é dedicada às galinhas, bem no ritmo delas.
Ok, já desci demais.




VIA

28 de jan de 2010

'Tava aqui querendo ver um filme brasileiro e olhando nos meus arquivos achei o "Brasileirinho" --- AQUI a sinopse---
Aí me deu vontade de comer banana frita mas desisti pois só em pensar na fumaça... cortei ela e enfiei com canela no micro, depois um pouco de mel de acácia e nham.
O filme eu ví alguns anos atrás quando fui num show do Trio Madeira aqui na minha cidade e valia a pena rever.
Lembrei do dia do show com a platéia toda comportadinha (fazia até frio) e as brasileiras na platéia se reconheciam logo, pois todas nós mexíamos a bunda mesmo estando sentadas. Que pé no saco ver show sem poder participar.
Droga, o filme é em espanhol, tudo bem.
Gente, issso não é filme prá noite-de-inverno-sem-sono-e-com-saudades. Choro? O nome já é uma tristeza só.
E esse frio? Quando acaba?
Vou lá ver. Fiquem babando um pedacinho do filme:



20 de jan de 2010

O mundo é dos sem-vergonha.

17 de jan de 2010

Giornata Mondiale del Migrante e del Rifugiato















Leia aqui: (em italiano)
||
||
||
\/

VIA

11 de dez de 2009

Nasceu THIAGO!

Hoje, 07:30 - 3.300kg - 50 cm.
Parto normal.
Cabeludo e saudável!

9 de nov de 2009

6 de nov de 2009

Gripe suína
Até agora, 24 vítimas.
Confusão geral. Informação baratinada, governo diz para vacinar, todo mundo corre e não acha vacina. Fazem questão de dizer que todos os mortos já estavam doentes de outra coisa e só pioraram com a gripe. A médica da minha filha desaconselhou pois já está no final da gravidez. Nem os médicos, que estão entre as categorias de risco, não estão tomando a bendita. Exumaram Topo Gigio e fizeram uma publicidade para ensinar o povo a lavar as mãos. Acabou o desinfetante em gel no supermercado.


Cruzes
O Vaticano condenou a decisão do Tribunal Europeu de Direitos Humanos contra o uso de crucifixos nas salas de aula na Itália.
A corte decidiu que a presença obrigatória de símbolos religiosos nas escolas, que data da década de 20, viola o direito dos pais de educar seus filhos como acharem melhor, além de contrariar os direitos da criança de escolher livremente sua religião.
O Vaticano disse estar chocado, chamando o veredicto de “errado e míope”.
Em 1984, um acordo entre a Igreja e o governo italiano suspendeu a posição do catolicismo como religião do Estado, tornando o país laico. A lei do crucifixo, no entanto, nunca foi alterada.
A decisão do tribunal europeu provocou revolta no país de maioria católica e foi qualificada de "vergonhosa" por um político italiano. O governo disse que vai apelar contra a decisão.

via BBCBrasil

Repitam comigo até se convencerem: país laico... país laico... país laico... país laico... país laico... país laico... país laico... país laico...
Ok. Podem parar de rir.
























Bonecas
Impossível ver televisão esses dias. Tem uma invasão de travecos brasileiros sendo entrevistados e tentando explicar a 'novidade' que caiu como um asteróide sobre a cabeça do povo: "Por que o homem italiano gosta de travestis?"
Tudo começou depois que o governador da região Lázio foi flagrado com as cuecas no meio das pernas por dois policiais corruptos que fizeram um filme com o celular e tentaram uma extorsão.
Peraí, esta foi a primeira versão da história que ainda está se desenrolando e mudando a cada dia.
Políticos e vips tremendo de medo que venham à tona os seus segredinhoss sexuais.
Mulheres que começam a desconfiar dos maridos e outras tendo a certeza.
Finalmente não vou mais ter que responder aos 'inocentes' que perguntam por que tem tanto transexual que vem para cá.
Ué, bonitinho... por causa da pizza é que não é!

Notícia em português AQUI

AQUI entrevista com fotos da trans (em italiano)





Big Brother
Brasileira no BigBrother daqui.
Se chama Camila. Lógico que não estou vendo: o programa é podre.
Vai aí uma compilation dos primeiros dias da garota dentro da casa.
Atenção a partir do minuto 03:40 - ela consegue explicar direitinho porque as brasileiras são consideradas putas por aqui.
Apesar de saber que acontece coisa pior envolvendo as italianas... fico sempre irritada com as confirmações dos lugares-comuns.






Sintam o meu drama:

E-mail 1: Posta in arrivo (623)
E-mail 2: Leggi Mail 1075/1335
E-mail 3: Você tem 478 mensagens não lidas
Orkut com scraps para responder.
Facebook abandonado.
Blogs entregues às baratas.
Comentários sem respostas.
Blogs amigos que daqui a pouco vão virar inimigos.
Telefonemas atrasados.

Isso é um problema.
Vou acabar desaparecendo da net antes que meu filme queime de vez.

Mas antes, vou comprar uma chibata e flagelar-me até sair sangue: ontem foi aniversário do DO e eu nem aparecí na tumba dele.

DOOOOOO! Feliz aniversáriooooo!




Viver a vida da melhor maneira possível.
Comportar-se como se as coisas tivessem um sentido - mesmo sabendo que em realidade não tem nenhum.
Ter lucidez, relaxar-se, aventurar-se...

Claude Lévi-Strauss
28-11-1908/03-10-2009

28 de out de 2009

Pessoas, ausente por tantos motivos.

Feliz.
Daqui a dois meses minha filha vai ter nenén.
Volto logo.

7 de out de 2009

INCONSTITUCIONAL! ILEGITIMO! ILEGAL!


Imunidade Derrubada!

4 de out de 2009

Hoje, completamente sem 'mão' na cozinha.
O feijão ficou sem graça, a carne dura e o arroz queimou.
Pfffff.....

O outono está quase começando. Ainda estamos usando camisa de mangas curtas durante o dia e as folhas nem pensam em cair: o sol teima em esquentar. Mas uma coisa já tem - cheiro de caldarrosta no ar!









Caldarrosta: castanhas assadas na brasa. Adoro com vinho, claro.
(Foto daqui)











E enquanto estamos aqui curtindo esse restinho de sol, no sul do país uma grande enchente já matou 21 pessoas. Terrível.
Veja AQUI alguns vídeos da tragédia.
Sem falar no resto do mundo.

3 de out de 2009

Balanço da semana




















A semana foi boa.




Hoje fui fazer os retratos para os documentos italianos. Passaporte e identidade e todo o resto que vou ter que trocar pois agora mudei de nome.
Não exatamente; tiraram um sobrenome já que a lei daqui permite somente aquele do pai, ao menos por enquanto, porque ouvi dizer que estão preparando uma reforma na lei para poder dar também o nome da mãe às crianças.

Quando fui fazer o juramento, a secretária do comune (prefeitura) ficou cheia de dedos quando teve que falar da perda do meu sobrenome, coisa que já sabia e que nunca pensei que fosse um problema (somente pela chatice de refazer os documentos). Depois de meia hora explicando as leis e contra-leis, contou que uma brasileira deu um chilique quando soube que iria perder o sobrenome da mãe, gritou, chorou e o escambau. Aí eu lembrei que uma vez estava lendo um fórum de estrangeiros e tinha uma pessoa (também brasileira) que dizia ter desistido de pegar a cidania por causa disso! Falou que iria ter uma forte crise de identidade e que se sentia mal somente em pensar que não teria mais um sobrenome.
Bah... isso faz parte daquelas coisas que não me importam mas não consigo entender.




"Isso não vai acabar bem"















Hoje vi em alguns sites americanos a foto de mal augúrio para a realização das Olimpíadas no Rio.
Vou aproveitar. Americano com inveja do Brasil não é todo dia não!
Que se rodano!





Negra, puta e fedorenta


















Hoje, voltando da 'cidade', estava para entrar no onibus quando percebi que não conhecia o motorista e ainda por cima não tinha quase ninguém dentro, coisa estranha para o horário. Na dúvida, antes de carimbar a passagem perguntei se aquele era o onibus que passava na minha rua, no que ele respondeu com muita ironia e falando entre os dentes, mas nem liguei e fui sentar. Olha, se eu fosse me importar com gente que fala cuspindo setas iria acabar ficando como eles e prefiro deixar que se afoguem na própria bílis. Adoro ver gente se auto-destruindo de raiva.

Quando sentei (bem atrás dele), continuou uma conversa com uma senhora no primeiro banco de um jeito muito alterado, falando alto e batendo o punho no volante. O papo era que ele, antes que eu entrasse, havia quase atropelado uma mulher e que a mesma gritou com ele mesmo estando fora da faixa de pedestres (isso é o que ele diz). Mas a coisa que tinha deixado ele muito danado, parecia ser o fato que esta pessoa fosse negra.
Bem, quem já leu meu blog de antes, onde eu falava mais da minha vida aqui, após quase 20 anos conto nos dedos de uma mão as vezes que fui vítima de preconceito por ser estrangeira. Quando cheguei, tinham pouquíssimos estrangeiros e de preto então, nem sonhar. Eu tinha grandes crises de abstinência de crioulo (hahahahaha daqui a pouco começam a dizer que não sou politicamente correta) e ainda por cima o pessoal daqui dizia que eu era "di colore" mas a maioria das pessoas tinha curiosidade mais do que preconceito. Por isso, achei muito estranho e de péssimo gosto escutar o sujeito falando daquele jeito da mulher e estou aqui pensando que talvez muito mais pessoas pensam como ele mas não dizem em público.

Bom, o que sinto vale mais ou menos um tratado e não quero enfadar ninguém mas eu sempre neguei e vou negar que o título de 'cidade racista' que colocaram na minha cidade é verdadeiro - mesmo sendo o berço da Liga Lombarda (que quem quiser saber o que é clique aqui). Como em todo lugar, aqui tem gente de todos os tipo. Até as boas.

Voltando ao motorista, segue o diálogo enquanto ainda está fresco:


Motorista:
- A coisa que mais detesto é mulher mal-educada. Se fosse um homem, ainda vai lá... ainda por cima negra! Se eu pudesse queimaria eles todos, mas é crime.
Senhora sentada no banco da frente:
- Hahaha! Não pode!
M.:
- Iria cometer crime contra a ecologia! Ninguém iria aguentar o fedor. "Aquela ali" tinha é que tomar um banho com água sanitária antes de falar comigo!
S.:
- E eles tomam banho? Hahahahaha
M.:
- 'Eles' estão aqui e se acham donos da cidade, não? Daqui a pouco começam a expulsar os italianos. Onde quer que você vá tem mais extra-comunitários que italianos, a cidade foi invadida! Tinham mais é que ficar onde estavam, no meio do lixo.
Sabe, na frente da minha casa moram duas famílias e as mulheres são todas putas. Só querem saber de foder (desculpe o palavrão) e cagar filhos, três, quatro, cinco... Uma vergonha!

S.:
- 'Aquelas' com o véu na cabeça são as piores. Quem sabe o que tem tanto prá esconder.
M.:
- Não duvido que daqui a pouco explodam tudo por aqui, como fizeram com as Torres Gêmeas. Tem mais é que não deixar entrar essa raça de porcos.
S.:
- Hahahaha! Mas eles nem comem carne de porco!


Depois começaram a falar de outras coisas e eu tinha que descer.

REPETINDO: é a primeira vez que escuto uma pessoa falar assim perto de mim. Isso aqui daria uma boa denúncia! Lógico que nem pensei em entrar na conversa e descer ao seu nível (isso é preconceito?) até porque uma das poucas coisas que acho que entendi ao me relacionar com os seres humanos é que quando um é idiota, é idiota. Não vai ser uma repreensão de 5 minutos que vai fazer ele mudar de idéia.
Quando contei para meu marido ele ficou furioso porque eu não falei nada.
Mas vou ter tempo de ver ele de novo e dessa vez, aqui na lavanderia. Todos os motoristas da linha que passa na minha rua lavam a roupa aqui. Mais cedo ou mais tarde ele vai aparecer.

Le previsioni sono di cazzi amari.

1 de out de 2009




Só leio UM jornal ultimamente.

A Q U I

30 de set de 2009

Papo de hospital


Fui fazer o screening mamográfico (achatamento de peitos) e duas senhoras, de idade bastante avançada, se encontraram:

- Oi Fulana! Tudo bem?
- Insommaaaaa...
(italiano nunca diz "tudo bem"; diz sempre "insomma" que neste caso, quer dizer mais ou menos, "poderia estar melhor")
- Quanto tempo! Como está sua mãe?
- Morreu.
- (pausa sem graça) Coitadinha... Que pena, eu não sabia... Deve ser porque nunca mais vi a Sicrana. Ela me dá sempre notícias de vocês.
- Dá não, dava. A Sicrana morreu.
- Oh, mio Dioooooo! Davveeeero? E quando foi?
- Ah, tem uns três meses, peraí, foi logo depois do enterro do Sr. Beltrano, o açougueiro, lembra?
- Sim, sim, mas ele eu já esperava porque estava doente e muito mal.
- É.
- ...
- E você? Como vai?
- Não sei o que dizer. Acabaram de me chamar porque descobriram um tumor no meu seio.


Decididamente, ficar velho é uma merda.